Seja Bem Vindo!

quarta-feira, 30 de maio de 2012

PRESENÇA NO MUNDO


Lendo e dialogando os caminhos do mundo: Seminário Círculo de Cultura

Por [1]Pedro Miguel Muniz Junior



Em parceria com o Núcleo dos Profissionais de Serviço Social da região Serrana – NUPSS e o Centro de Referência de Assistência Social – CRAS l – no município de Lages - SC no Bairro localizado no Bairro Popular na Rua Lauro Liz Costa (antigo Clube Popular) foi realizado o encontro do Seminário Círculo de Cultura – Método Paulo Freire.

O Seminário Círculo de Cultura é um estudo de caráter continuado que visa fortalecer a formação permanente dos profissionais em diversas áreas utilizando se do método, transversal, interdisciplinar e multiprofissional do educador: Paulo Freire sendo que a proposta é de realização de três etapas em três encontros em datas separadas; nos dias: 21 / 28 / Maio e 04 Junho.

O primeiro (1º) encontro foi estudado a Leitura do Mundo no qual os participantes do Seminário estudaram a história dos Círculos de Cultura – iniciativa pedagógica do educador Paulo Freire. Segundo a Coordenação do Seminário; esta etapa tem o objetivo de estar refletindo as conjunturas internacionais, nacionais e locais do sistema social contemporâneo.


O segundo (2º) encontro foi estudado os Temas Geradores: palavras geradoras, temas gerais e sua utilização como método político, ético e técnico que pode ser aplicado em qualquer área profissional, seja nas áreas da educação, assistência social, saúde e outras.


O terceiro (3º) encontro será à etapa final do Seminário; a Problematização. A partir da escolha do tema gerador: Questão Social e Instrumentos de transformação da realidade, tema escolhido e debatido pelos participantes do Seminário.

A proposta final do Seminário é a construção de documentos e instrumentos que facilitem utilizar o método Freiriano no contexto da realidade social do CRAS I. Segundo a coordenação do Seminário: a implementação do debate e dinâmicas realizadas nos encontros do Círculo de Cultura na apreensão do Método Paulo Freire: possibilita uma intervenção qualitativa e participativa na mobilização e formação continuada das pessoas envolvidos no diálogo e na reflexão de suas necessidades enquanto coletivo social. A multiplicação do Método Paulo Freire - MPF é outra perspectiva nestes círculos de cultura dentro da possibilidade de instrumentalizar as ferramentas técnica nas intervenções sociais dos grupos.


[1] Assistente Social CRESS 5553 – Participante do Encontro de Educadores Populares do Projeto Formação de Educadores Populares na Perspectiva Freiriana – Coordenadoria de Educação Popular – Instituto Paulo Freire.

Um comentário:

  1. Muito bom o seminário, resgatar Paulo Freire e resgatar as metodologias que ele utilizava é de fundamental importância para o trabalho com o social, no caso o trabalho dos assistentes sociais.

    ResponderExcluir